“Pacarrete” leva oito Kikitos e arrebata o 47º Festival de Cinema de Gramado
VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

1981

1981-2

Melhor Filme: “Cabaret Mineiro”, de Carlos Alberto Prates Correia

Melhor Diretor: Carlos Alberto Prates Correia, por “Cabaret Mineiro”

Melhor Ator: José Dumont, por “O Homem Que Virou Suco”, e Nelson Dantas, por “Cabaret Mineiro”

Melhor Atriz: Sônia Braga, por “Eu Te Amo”, de Arnaldo Jabor

Melhor Ator Coadjuvante: Denoy de Oliveira, por “O Homem Que Virou Suco”

Melhor Atriz Coadjuvante: Tânia Alves, por “Cabaret Mineiro”

Melhor Fotografia: Murilo Salles, por “Cabaret Mineiro”

Melhor Roteiro: João Batista de Andrade, por “O Homem Que Virou Suco”

Melhor Trilha Sonora: Tavinho Moura, por “Cabaret Mineiro”

Melhor Montagem: Idê Lacreta, por “Cabaret Mineiro”

Melhor Cenografia: Marcos Weinstock, por “Eu Te Amo”

Melhor Som: Laboratório Nel-Som, por “Eu Te Amo”

Prêmio Especial do Júri: “Até a Última Gota”, de Sérgio Rezende

Melhor Curta-Metragem: “Belmonte”, de Ivo Branco

Melhor Curta-Metragem Gaúcho: “São Miguel dos Sete Povos”, de Antonio Jesus Pfeil, e “O Papa é Gaúcho”, de Antônio Oliveira