line-toplineline-bottom

Júri – Longas-Metragens Estrangeiros

Ítala Nandi

Comendadora pela Ordem do Mérito Cultural – OMC, Dra. em Artes Cênicas pela UNIRIO, atriz consagrada e premiada, produtora, diretora, roteirista e autora da autobiografia “Teatro Oficina, onde a Arte não Dormia”, entre outros livros. Em 1980 dirigiu e produziu seu primeiro documentário “In Vino Véritas” e em 1990 dirigiu o segundo documentário ‘India, o Caminho dos Deuses”. Em 2014 criou com seu filho e sócio Giuliano Nandi, o ESPAÇO NANDI – Escola Técnica Profissionalizante, de Formação de Atores. Em cinema seu trabalho mais recente foi o filme “Domingo” de Clara Linhart e Fellipe Barbosa, onde recebeu o Prêmio Redentor como Melhor Atriz no Festival Internacional de Cinema do Rio de Janeiro em 2020. Seu trabalho mais recente foi a live “Paixão Viva” para o SESC-SP – Em Casa com o SESC. Em 2021, Ítala completa 65 anos de carreira.

Jéssica Luz

Produtora, graduada em Realização Audiovisual (UNISINOS) e mestre em Educação (PUCRS). Sócia da Besouro Filmes desde 2006, em 2018 abriu a Vulcana Cinema com Paola Wink. No mesmo ano, o longa “Tinta Bruta” de Filipe Matzembacher e Marcio Reolon teve sua premiére na 68a Berlinale – Sessão Panorama, vencedor dos prêmios Teddy e CICAE. Recentemente, lançou “A Barqueira” de Sabrina Blanco (Mar del Plata IFF 2019) e o documentário “5 Casa” de Bruno Gularte Barreto (Competição First Appearance IDFA 2020). Trabalha na finalização dos longas “O Acidente” de Bruno Carboni, selecionado para o Torino Film Lab e “Vai e Vem”, de Chica Barbosa e Fernanda Pessoa, ambos contemplados com o Fundo Visions Sud Est; e na pré-produção dos longas “Casa no Campo” de Davi Pretto, ganhador do World Cinema Fund, e “Memórias de Um Esclerosado” de Thais Fernandes.

Luiz Alberto Cassol

Luiz Alberto Cassol é cineasta e cineclubista. É diretor e roteirista da Filmes de Junho Produtora e da Accorde Filmes. É diretor dos longas “Janeiro 27”, “Edmundo”, “Todos”, “Golpe” e “Deborah – O Ato da Casa”; e dos curtas “Anônimos”, “Fome de Quê?”, “Grito”, “Alexandra” e “Casa de Rio”; e das séries “Crítica”, “A Escuta da Escuta”, “Confessionário – Relatos de Casa”(em codireção com Deborah Finocchiaro),“Chuteira Preta” (em codireção com Paulo Nascimento),Plural (em codireção com Marilaine Castro da Costa). Foi presidente do Conselho Nacional de Cineclubes – CNC; foi diretor do IECINE e da Cinemateca Paulo Amorim. Coordena e é curador do Festival Santa Maria Vídeo e Cinema (SMVC). Integra as equipes de direção do longa “Fronteriz@s” e da série “Misturados”.

 

img2img2
patrocinadores