Festival de Cinema de Gramado

Homenageados

TROFÉU OSCARITO

Dedicado aos grandes atores e atrizes do cinema nacional.

Com 33 anos de carreira e mais de 40 filmes no currículo, a paraense Dira Paes é a homenageada com o troféu Oscarito, destinado a grandes atores da cinematografia brasileira. Em Gramado, Dira levou o Kikito em 2003, como melhor atriz coadjuvante, pelo longa “Noite de São João”, e em 2011, como melhor atriz, pelo curta “Ribeirinhos do Asfalto”. Entre os vários prêmios que recebeu nacionalmente, ela não esconde seu carinho por Gramado: “Todo ator tem o maior orgulho de ganhar o Kikito. Nas duas vezes que ganhei, senti meu trabalho reconhecido pelo Brasil inteiro, porque esse é um prêmio que ecoa por todo país. Estar em Gramado é sempre uma emoção muito grande”.

 

Confira a lista dos homenageados nas edições anteriores

2016 – Sonia Braga

2015 – Marília Pêra

2014 – Flávio Migliaccio

2013 – Glória Pires

2012 – Betty Faria

2011 – Fernanda Montenegro

2010 – Paulo Cesar Pereio

2009 – Reginaldo Faria

2008 – Walmor Chagas

2007 – Zezé Motta

2006 – Antônio Fagundes

2005 – Glória Menezes e Tarcísio Meira

2004 – Lima Duarte

2003 – Milton Gonçalves

2002 – Marieta Severo

2001 – Hugo Carvana

2000 – Paulo José

1999 – Lucy Barreto e Luiz Carlos Barreto

1998 – Nelson Pereira dos Santos

1997 – José Lewgoy

1996 – Cinédia, representada por Alice Gonzaga

1995 – Carlos Manga

1994 – Alberto Ruschel

1993 – Anselmo Duarte

1992 – Walter Hugo Khouri

1991 – Grande Otelo

 

TROFÉU EDUARDO ABELIN

Homenageia os grandes diretores, cineastas ou entidades de cinema brasileiros.

Prestando homenagem a um de seus grandes amigos e incentivadores, o Festival celebra a carreira do cineasta gaúcho Otto Guerra com o troféu Eduardo Abelin, distinção entregue a diretores, cineastas e entidades do cinema nacional. Há mais de quatro décadas fazendo carreira no cinema de animação, Otto esteve pela primeira vez no Festival em 1984 com "O Natal do Burrinho", que lhe rendeu o prêmio de melhor filme na Mostra Gaúcha de Curtas. Desde então, teve seus trabalhos premiados em outras seis edições do evento. "Esse tipo de legitimação, quando pessoas da área reconhecem o teu trabalho, dá um significado, um propósito", conta o homenageado.

 

Confira a lista dos homenageados nas edições anteriores

2016 – José Mojica Marins

2015 – Zelito Viana

2014 – Walter Carvalho

2013 – Canal Brasil

2012 – Arnaldo Jabor

2011 – Domingos Oliveira

2010 – Ana Carolina Teixeira Soares

2009 – Walter Lima Jr.

2008 – Júlio Bressane

2007 – Casa de Cinema de Porto Alegre

2006 – Vladimir Carvalho

2005 – Hector Babenco

2004 – Tizuka Yamasaki

2003 – Carlos Diegues

 

KIKITO DE CRISTAL

Destaca grandes expoentes do cinema latino-americano.

Dedicado a expoentes do cinema latino-americano, o troféu Kikito de Cristal será entregue à atriz argentina Soledad Villamil. Seu maior hit veio em 2009, quando atuou em “O Segredo dos Seus Olhos”, célebre longa argentino vencedor do Oscar de filme estrangeiro, mas sua relação com o cinema começou ainda no início da década de 1990. Antes mesmo de “O Segredo dos Seus Olhos”, Soledad já havia trabalhado com o diretor Juan José Campanella em outro reconhecido filme argentino: “O Mesmo Amor, a Mesma Chuva”, de 1999, exibido no 28º Festival de Cinema de Gramado. Como atriz, a homenageada também acumula trabalhos no teatro e na televisão argentina.

 

Confira a lista dos homenageados nas edições anteriores

2016 – Cecilia Roth

2015 – Fernando Pino Solanas

2014 – Jean Pierre Noher

2013 – Othon Bastos

2012 – Juan José Campanella

2011 – NÃO HOUVE

2010 – Manuel Martinez Carril

2009 – Ruy Guerra

2008 –Julio Garcia Espinosa

2007 – Eduardo Coutinho

 

TROFÉU CIDADE DE GRAMADO

Destaca nomes que tem ligação com Gramado e o Festival, contribuindo para o crescimento e divulgação da cidade e do evento.

A estreia no cinema aconteceu em 1960, com “Bahia de Todos os Santos”, e, desde lá, o ator Antônio Pitanga já participou de mais de 50 produções em uma prolífera e dedicada carreira ao cinema nacional. A convivência com grandes diretores do Cinema Novo também despertou a vontade de dirigir filmes, concretizada em 1978, com “Na Boca do Mundo”. Presença constante no Festival de Cinema de Gramado, seja como concorrente, jurado, convidado ou simplesmente espectador do evento serrano, o baiano terá sua carreira celebrada com o troféu Cidade de Gramado, que também marca a sua longa relação com a cidade e o evento serrano.

 

Confira a lista dos homenageados nas edições anteriores

2016 – Tony Ramos

2015 – Daniel Filho

2014 – Rodrigo Santoro

2013 – Wagner Moura

2013 – Hermano Penna e Lima Duarte, pelos 30 anos de “Sargento Getúlio” no Festival*

2012 – Eva Wilma

* em 2013 o Festival prestou duas homenagens com o troféu Cidade de Gramado

Festival Partners