MINISTERIO DO TURISMO E CLARO APRESENTAM:

Homenageados do 47º Festival de Cinema de Gramado

Uma estrela que atua em diversas frentes do set, um ator cuja trajetória e atuação evocam paixão pela arte e defesa à cidadania, um criador que encanta gerações com seus personagens e um intérprete latino-americano que vem conquistando as telas do mundo. Eis os quatro principais homenageados da 47ª edição do Festival de Gramado, que começa nesta sexta-feira.

As homenagens começam sábado com a entrega do Troféu Eduardo Abelin para a atriz e diretora Carla Camurati no Palácio dos Festivais. Ela é responsável pelo que ficou conhecido como a retomada do cinema nacional, em 1995, quando lançou o aclamado e irreverente “Carlota Joaquina, Princesa do Brazil”. Estrelado por Marieta Severo e Marco Nanini, o filme feito com um orçamento de R$ 600 mil atingiu um público de mais de um milhão de pessoas à época. Em Gramado, recebeu o Kikito de Melhor Atriz em 1981 por “O olho mágico do amor”, e o Prêmio Especial do Júri, em 1985, por “Estrela Nua”.

A coletiva de imprensa acontece no mesmo dia da homenagem às 15h no Hotel Colline de France.

As homenagens do Festival de Cinema continuam na segunda-feira, quando Lázaro Ramos recebe o Troféu Oscarito. No dia 21 de agosto, quarta-feira, é a vez de Mauricio de Sousa receber o Troféu Cidade de Gramado e na sexta-feira, dia 23, o ator argentino Leonardo Sbaraglia recebe o Kikito de Cristal.