line-toplineline-bottom

Festival de Cinema lança a Carta de Gramado 2021

O Festival de Cinema de Gramado é sempre um palco para defesa da cultura, do audiovisual e do cinema. A cada edição o evento lança a tradicional CARTA DE GRAMADO, um manifesto com diversos signatários do mercado na defesa do setor audiovisual.

A CARTA DE GRAMADO 2021 é o resultado do painel realizado dia 14 de agosto no CONEXÕES GRAMADO FILM MARKET com lideranças do audiovisual do Rio Grande do Sul. Compartilhada com o mercado brasileiro pelas redes, atingiu até o momento quase 50 assinaturas de representações, entidades, coletivo e sindicatos.

CARTA DE GRAMADO 2021

O Festival de Cinema de Gramado, em seus 49 anos de realização ininterrupta, foi palco para importantes reivindicações e protestos do setor audiovisual brasileiro, constituindo um fundamental espaço de luta e, com o
surgimento da pandemia, essa postura de resistência e defesa só foi fortalecida e ampliada.

Em 2019 e, novamente, no ano passado, apontamos e denunciamos este projeto político antidemocrático de aniquilamento das políticas públicas em todos os setores e, também, de ataques às instituições, com destaque especial ao campo da Cultura. Questionamos os salteamentos históricos e destacamos que, quando há vontade política democrática e ética, a valorização do setor cultural torna-se possível e pujante. O campo da Cultura cresceu e não há qualquer possibilidade de negociação com seu encolhimento, com sua destruição, como outrora manifestado sobre os riscos da situação da Cinemateca Brasileira e de todas nossas Cinematecas do Brasil, os riscos sobre nossa memória e o abandono estratégico para deixar queimar a história deste país. 

Diante desse cenário catastrófico e de um plano de destruição nacional que despreza o artigo 215 da Constituição Federal, resultando no abandono da devida regulação e do fomento ao setor, que sejamos a diferença e a mudança em nossas cidades e em nossos estados. Por isso, convocamos as bases do audiovisual
brasileiro, convocamos o Brasil Profundo, para que juntes possamos impedir que esse projeto continue. Por meio dos coletivos e associações, municípios e dos estados do Brasil faremos a mudança. Cada município cuidando da cultura, de seus profissionais do cinema e de toda a diversidade de produção cultural. Que as políticas públicas municipais não sigam a linha nacional de demolição, que as políticas públicas estaduais não sigam a lógica perversa do abandono. Somente com uma postura proativa seremos capazes de atravessar essa tormenta e dar continuidade ao audiovisual de um Brasil que dá orgulho a seus cidadãos nas telas do mundo todo. Sem regulação, o mercado audiovisual ficará submetido a um modelo dominante. É preciso proteger e preservar a propriedade intelectual brasileira.

Avancemos nessa luta com capilaridade do Sul ao Norte, para recuperar e reconstruir o Brasil que acreditamos para o cinema e para o campo da cultura. Confiamos numa maior interação entre associações, entidades, coletivos e demais profissionais que zelam pelo nosso cinema. Aos municípios e estados brasileiros,
nossa convocação para o comprometimento imediato com o setor audiovisual e cultural como um todo. Um comprometimento com o Brasil democrático.

Gramado virtual, 14 de agosto de 2021.

Ministério do Turismo, Secretaria de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul apresentam o 49º Festival de Cinema de Gramado. Lei de Incentivo à Cultura. Patrocínio: Stella Artois e Golden Propriedades de Lazer. Copatrocínio: VERO, a maquininha do Banrisul. Exibidor Oficial: Canal Brasil. Exibidor Regional: TVE. Cia Aérea Oficial: Azul Linhas Aéreas. Receptivo Oficial: Gramado Receptivo. Apoio: Da Magrinha, Miolo, O2 Pós, Azul Viagens, Adylnet, Laghetto Hotéis, Stemac Grupos Geradores, Tecna, Planalto e Caracol Chocolates, Naymovie. Apoio institucional: Museu do Festival de Cinema de Gramado, SIAV RS, ACCIRS, APTC/ABD-RS, Fundacine, Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul. Agente cultural: AM Produções. Promoção: Prefeitura de Gramado. Financiamento: IECINE, Pró-Cultura/RS, Secretaria de Estado da Cultura, Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Realização: Gramadotur, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal, Pátria Amada Brasil.

img2img2
patrocinadores