MINISTERIO DO TURISMO E CLARO APRESENTAM:

Diversidade marca seleção dos filmes em competição no 49º Festival de Cinema de Gramado

Que o Brasil é um país continental, não há dúvidas. Que ele é abençoado por Deus e bonito por natureza, também não. Pelo menos na música de Jorge Ben. Com uma extensão total de 8.516.000 km², 26 estados e um distrito federal, o Brasil possui uma multiplicidade de culturas. E o audiovisual é uma das ferramentas que consegue retratar toda expressividade cultural. 

Neste ano, os filmes que concorrem às mostras competitivas do Festival de Cinema de Gramado vem de diferentes partes do Rio Grande do Sul, do Brasil e da América Latina.  Ao total, 893 filmes fizeram sua inscrição para participar das mostras competitivas e 52 foram selecionados: quatro Longas-Metragens Estrangeiros, sete Longas-Metragens Brasileiros, três Longas-Metragens Gaúchos, 14 Curtas-Metragens Brasileiros e 24 Curtas-Metragens Gaúchos. 

Amazonas, Ceará, Maranhão, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo estão representados entre os longas e curtas-metragens brasileiros. Dentre os estrangeiros, representantes de países como Argentina, Bolívia, Chile e Uruguai.

Mas não é apenas uma diversidade territorial que pode ser conferida nos títulos, as temáticas abordadas e os diferentes gêneros também podem ser percebidos: “Olhamos para o fazer cinematográfico, considerando a sua qualidade técnica e criativa, com atenção especial para filmes cujas narrativas elaborassem questões pertinentes às discussões sociais tão presentes nos dias de hoje. A representatividade também foi uma constante entre os filmes inscritos, tanto na frente quanto atrás das câmeras. Nesse sentido, buscamos um equilíbrio, e olhamos com mais atenção para filmes que trouxessem para cena corpos de diferentes cores, gêneros, tamanhos e idades, bem como filmes dirigidos por mulheres. E já que estávamos selecionando obras para a competição de curtas brasileiros, pensamos também numa cartela de filmes que incluísse representantes dos mais diversos estados, ultrapassando as fronteiras do eixo Rio-São Paulo”, explica a atriz, roteirista e professora Thaís Cabral, integrante da comissão de seleção dos curtas-metragens brasileiros.

 

Ministério do Turismo, Secretaria de Estado da Cultura apresentam o 49º Festival de Cinema de Gramado. Lei de Incentivo à Cultura. Patrocínio: Stella Artois e Golden Propriedades de Lazer. Copatrocínio: VERO, a maquininha do Banrisul. Exibidor Oficial: Canal Brasil. Exibidor Regional: TVE. Cia Aérea Oficial:  Azul Linhas Aéreas. Receptivo Oficial: Gramado Receptivo. Apoio: Da Magrinha, Miolo, O2 Pós, Azul Viagens, Adylnet, Laghetto Hotéis, Stemac Grupos Geradores, Tecna, Planalto e Caracol Chocolates, Naymovie. Apoio institucional: Museu do Festival de Cinema de Gramado, SIAV RS, ACCIRS, APTC/ABD-RS, Fundacine, Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul. Agente cultural: AM Produções. Promoção: Prefeitura de Gramado. Financiamento:  IECINE, Pró-Cultura/RS, Secretaria de Estado da Cultura, Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Realização: Gramadotur, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal, Pátria Amada Brasil.