line-toplineline-bottom
Cineasta amazonense ministra oficina de alfabetização audiovisual em Gramado
line-toplineline-bottom

Cineasta amazonense ministra oficina de alfabetização audiovisual em Gramado

Em 2022 o Festival de Cinema de Gramado completa cinquenta anos. A menos de dez meses para a realização de sua 50ª edição, o evento planeja um calendário repleto de ações comemorativas, que incluem sessões especiais e oficinas de capacitação. Em parceria com o IECINE, Instituto Estadual de Cinema, a Gramadotur, autarquia municipal responsável pelos eventos da cidade, promove, a partir de hoje, a Oficina de Alfabetização Audiovisual.

A proposta da oficina é oferecer repertório de linguagem cinematográfica para os participantes de uma maneira prática e lúdica. Durante os encontros, o cineasta amazonense Z Leão vai trabalhar todas as etapas da produção de um filme. Será abordada desde a concepção do roteiro até a finalização. Ao final, os alunos realizarão um conjunto de curtas-metragens de temática livre.

Para a Presidente da Gramadotur e Secretária de Turismo de Gramado, Rosa Helena Volk, a iniciativa reforça o compromisso da cidade com a educação audiovisual. “Há mais de uma década, capacitamos nossos jovens na prática audiovisual com o Educavídeo. Oficinas como essa expandem nossos horizontes e proporcionam um encontro diferente com o cinema. Oferecer à comunidade a oportunidade de aprender de maneira teórico-prática o fazer cinematográfico é uma missão que assumimos. Sabemos que, quando oferecemos instrução, mudamos realidades”, afirma.

A oficina é gratuita e será realizada no formato presencial nos dias 25 a 29 de outubro, no período da noite, e dias 30 e 31 de outubro pela manhã. Os encontros ocorrerão no auditório do polo UAB Gramado.

As vagas são limitadas e o único requisito é idade mínima de 15 anos. Haverá certificado para quem cumprir todas as etapas do curso.

img2img2
patrocinadores